Pesquisa personalizada

OUÇA TEMAS DA BÍBLIA AGORA:

REALIZE UMA CAPACITAÇÃO, PALESTRA OU OFICINA SOBRE INDISCIPLINA, BULLYING E ATO INFRACIONAL:

Pesquisa personalizada

04 outubro 2013

Semana da Paz - Orientações da SED

COMUNICAÇÃO INTERNA CIRCULAR

Nº: 426/13

DATA: 30/09/13

DE: Diretoria de Educação Básica e Profissional - DIEB

PARA: NEPREs/GEREDs e NEPRE/IEE

ASSUNTO: Semana/Dia da Paz

Senhor(a) Gerente,
Senhor(a) Coordenador(a) do NEPRE/GERED,

Informamos que, de 05/10 a 12/10, comemora-se a Semana Estadual da Cultura de Paz em Santa Catarina, instituída pela Lei Estadual Nº 13.834, de 21 de agosto de 2006; e o Dia Municipal do Cidadão da Paz, dia 9/10, instituído pela Lei Municipal de Florianópolis Nº 7.606/2008, de 28 de abril de 2008.
A semana objetiva refletir e sensibilizar a comunidade escolar em toda a rede estadual de ensino para a cultura de PAZ, a qual visa substituir a violência instalada em nossa sociedade por atitudes cidadãs e pacíficas, a partir do processo de Educação para a Paz.
Encaminhamos orientações e sugestões de atividades referentes à Semana da Paz, para que todas as unidades escolares da Educação Básica sob sua jurisdição, tenham subsídios para desenvolverem o evento.

Sugestões:
· Planejar momentos para a leitura e reflexão sobre os PRINCÍPIOS DA CULTURA DE PAZ, definidos pela Organização das Nações Unidas/ONU: respeitar a vida, rejeitar a violência, redescobrir a solidariedade, ser generoso, ouvir para compreender e preservar o planeta e completar com os princípios ampliados pela rede municipal de ensino de Florianópolis: resgatar gestos de gentileza, cultivar o bom humor e ser comprometido.
· Aderir o dia 9 de outubro, como o Dia do Cidadão da PAZ, e organizar atividades para este dia, como por exemplo: passeatas; apresentação de ações desenvolvidas pelos alunos; promoção de debates sobre as causas da violência e como superá-las; promoção de gincanas; discussão de temas que desencadeiam a violência, droga, alcoolismo, excessos no trânsito, entre outros.
· Discutir a metodologia de conciliação, apresentada na Política de Educação, Prevenção, Atenção e Atendimento às violências na escola/2011, página 31, como alternativa para a solução de conflitos.
· Criar concurso de redação, abordando como tema os referidos princípios supracitados. O aluno deverá ser orientado e acompanhado pelo professor da disciplina de Língua Portuguesa, e juntamente com sua família escolherá um dos princípios e produzirá um texto. Cada unidade escolar irá selecionar um dos textos produzidos pelo aluno e encaminhará ao NEPRE da GERED para que este organize um livro, contendo no mínimo três textos abordando um ou mais princípios da paz. Cada livro constituir-se-á como referência para sua região.
· Como atividades pedagógicas, sugerimos, ainda, a criação de desenhos alusivos à cultura da paz; varal literário com poesias; além de paródias, entre outros. Para tanto, o envolvimento dos agentes da paz da comunidade, por meio de mobilização para a cultura da paz, faz-se essencial. Por exemplo, bombeiros, policiais, escoteiros, instituições públicas e privadas, conselhos municipais, etc.
· Utilização dos meios de comunicação da comunidade para divulgar os princípios da paz. Destaque em jornais, revista e, periódicos para matérias que mostrem ações positivas e construtivas sobre o tema, com a confecção de murais e álbuns de recortes. Utilização de encartes de jornais, como AN, DC e Jornal na Escola, com sugestão de pautas que contribuam para uma cultura de PAZ.
· Leitura e discussão, junto aos professores, alunos e pais das leis, alusivas à Semana/Dia da Paz, que se encontram em anexo; como também, pesquisa em matérias publicadas sobre a implantação e crescimento das audiências de conciliação e mediação, com discussão sobre as vantagens destes meios para a resolução de conflitos.
· Mobilização da comunidade escolar (professores, funcionários, alunos e as famílias), para que sejam criadas, coletivamente, regras de convivência pautadas nos valores humano, como a ética, o respeito e a solidariedade.
· Utilização de filmes, músicas e histórias da literatura infantil para a introdução de temas alinhados à promoção dos direitos humanos. Organização de dramatizações (teatros) e ofícinas para demonstrações, referentes ao tema.
· Criação de momentos de práticas sociais, como, brincadeiras, lanche coletivo, jogos, entre outros, para oportunizar o exercício de atitudes de respeito, cooperação e solidariedade, entre os pares. Criação de slogans alusivos à promoção da PAZ.

Solicitamos seu envolvimento na divulgação do evento e na mobilização das unidades escolares.


Atenciosamente,


Marilene da Silva Pacheco                    Elisabete Duarte Borges Paixão

Diretora                                               Gerente

Nenhum comentário:

Pesquisa personalizada