Pesquisa personalizada

OUÇA TEMAS DA BÍBLIA AGORA:

REALIZE UMA CAPACITAÇÃO, PALESTRA OU OFICINA SOBRE INDISCIPLINA, BULLYING E ATO INFRACIONAL:

Pesquisa personalizada

12 dezembro 2005

E.E.B. Dr. TUFI DIPPE - RELATÓRIO NEP

E.E.B. Dr. TUFI DIPPE
PREVENÇÃO E REDUÇÃO DE DANOS À SAÚDE
Outubro - 2005
1. Tema:

A Importância do trabalho pedagógico na Prevenção e Redução de Danos à Saúde, oriundos do uso de drogas.

2 . Justificativa:
O uso das substâncias psicoativas (SPA´s), que são identificadas popularmente como drogas, se propaga em todos os continentes e a dependência destas compromete a vida de cerca de 10% da população mundial. Estima-se, assim, que no início do século XXI mais de 600 milhões de pessoas sofrerão as conseqüências desta doença. Há as drogas ilegais como a maconha e a cocaína, mas também há drogas consideradas legais pela sociedade, como o álcool e o cigarro. Porém, as pessoas esquecem de outras substâncias psicoativas encontradas nos remédios para dormir (hipnóticos), diminuir a ansiedade (ansiolíticos), emagrecer (anorexígenos)m e para diminuir a depressão (estimulantes), além de sementes, frutos e folhas de plantas e inúmeros produtos de laboratório.
Todos os seres humanos, querendo ou não, sem nenhuma exceção, estão sujeitos ao uso de drogas e, consequentemente, passíveis de se tornarem dependentes. A droga causa dependência física e psicológica.
Desta maneira, o problema das drogas está na casa do desconhecido, do amigo, do parente, do vizinho, e o que é mais grave, na porta de escolas das redes públicas e particulares do nosso Estado.
É na adolescência, ou pré-adolescência, que se deve dar maior destaque a um programa de caráter educativo preventivo. Pois estudos revelaram que 85,2% dos estudantes do Ensino Fundamental e Médio já tomaram bebida alcoólica na vida. A primeira experiência com bebidas alcoólicas aconteceu até os 18 anos para 43,4% dos estudantes e 25,3% beberam pela primeira vez até os 12 anos. E 21% dos estudantes do Ensino Fundamental e Médio experimentaram cigarros na vida. A primeira experiência com cigarro aconteceu até os 18 anos para 15,5% dos estudantes e 6,5% fumaram pela primeira vez até os dois anos.
Sendo que a realidade destes fatos apresenta índice cada vez mais alarmante, faz-se necessário um projeto de prevenção e redução de danos. Segundo o Ministério da Saúde a redução de danos é uma estratégia de saúde pública, que busca controlar as possíveis conseqüências adversas decorrentes do consumo de substâncias psicoativas, sejam lícitas ou ilícitas sem necessariamente impedir ou interromper o uso, oportunizando a reinserção social do usuário, seja ele dependente ou não, respeitando a sua cidadania. A Constituição Federal de 1988 no artigo 196 garante: “A saúde é direito de todos e dever do Estado, garantindo mediante políticas sociais e econômicas que visem à redução do risco de doenças e de agravos e ao acesso universal e igualitário às ações e serviços para a sua promoção, proteção e recuperação”.
É importante ressaltar que a escola como um segmento de grande abrangência social, deve priorizar e intensificar seus trabalhos preventivos, considerando que a grande maioria dos alunos ainda não usou ou não usa estas substâncias, mas que se algum vier a usar, mereça uma abordagem baseada no respeito humano e na cidadania. É fundamental que a escola não discrimine o aluno usuário, mas que o respeite e oportunize as condições de procurar ajuda e recuperação, convivendo dignamente no ambiente escolar. Assim, a implantação e implementação de um projeto de educação preventivo às substâncias psicoativas são uma necessidade para todas as escolas da rede pública estadual que objetivam desenvolver uma educação para sujeitos deste tempo histórico.
3. Objetivo Geral:
Divulgar conhecimentos sobre prevenção às drogas e prevenção na família.
4. Objetivos Específicos:
Promover informações relativas ao tema
Enfatizar o desenvolvimento biopsicosocial infantil e adolescente
Compartilhar outros conhecimentos correlacionados ao assunto
Fortalecer ações na prevenção e redução de danos na U. E.
Conscientizar os alunos de que as drogas é um dos males de nossa sociedade e para seu controle depende do comprometimento de todos.

5. Público Alvo:

Professores, Pais e Alunos da 5ª e 6ª série da E.E.B.DR. Tufi Dippe.

6. Metodologia:

Este projeto será realizado com palestras nas salas de aula, sobre os seguintes temas:
O papel da família (pais ou responsáveis) na prevenção às drogas.
Substâncias psicoativas ( SPA’s), ou drogas ilícitas.
Drogas lícitas: tabagismo, automedicação e alcoolismo.

7. Cronograma:


Etapas Mês Horas

Formação da comissão 04/10/05 13:30 às 14:30
Elaboração do Projeto 06/10/05 9:00 às 10:00
Redação do Projeto 07/10/05 8:00 às 10:00
Aplicação do Projeto março/2006 2 horas


RELATÓRIO

No dia 04 de outubro de 2005, no período das 13:30 às 14:30, a coordenadora do NEP da Unidade Escolar juntamente com o corpo técnico administrativo, técnico pedagógico e docentes reuniram-se para formar a comissão permanente do NEP da E.E.B.DR. Tufi Dippe:

Gestora: Arlette Cabral Mello Peixoto
Assessora: Terezinha Schmoeller Monteiro
Especialistas: Diva Estefania Forcin Sartori / Margarida Leuni Gabriel
Assistentes Técnicos Pedagógicos: Daisy da Costa Bicalho / Sheila da Silva Martins
Colegiado Escolar : Irene Knabben Oening
Miriam Maria Santana Pereira
Maria Aparecida Chupel Neves
Cristian Kleischmidt

No dia 06 de outubro de 2005, no período das 9:00 às 10:00, foi elaborado o Projeto de Prevenção e Redução de Danos à Saúde no qual ficou determinado que seria aplicado somente no mês de março do ano de 2006, devido a impossibilidade de agendar horário com palestrantes ainda para os meses de outubro e novembro de 2005, já que a capacitação ocorreu nos dias 12 e 13 de setembro.
No dia 07 de outubro de 2005, no período das 8:00 às 10:00 execução da redação do Projeto de Prevenção e Redução de Danos à Saúde e Relatório para ser entregue à GEECT.
Objetivo do Trabalho: Relatar os tipos de drogas que há e o que elas provocam a saúde das pessoas. Conscientizar os alunos de que as drogas é um dos males de nossa sociedade e

Nenhum comentário:

Pesquisa personalizada